A Vernacular é uma editora e papelaria autoral de CCS (Carol Costa e Silva) e faz parte do Conglomerado Atelier do Centro (CAC).

CCS é escritora e discípula do artista Rubens Espírito Santo. Publicou 6 livros pela Vernacular: Poemas2017, O cavalo azul2018, Box vermelho, 2018, Formigas famintas em fila2018-19, Contos de Calibã (2018), Confissões: cartas ao mestre2019 e A mais bonita ruína, 2019; 1 livro pela editora Laranja Orginal em parceria com a Vernacular: War2020, além de zines (Depois da pandemia, Sobre o Romantismo sem romantismo, A incompreensibilidade da compreensão, Sobre 4 palavras, Sobre 4 poemas e uma fábula, Marquês de Sade, Warburg e a histeria, O morro dos ventos uivantes e a histeria, etc) e as revistas Extrações #1, Extrações #2: Após o fim da arte e Extrações #3: Méthodo. Participou das feiras de publicações independetes Tinta Fresca, Plana, Maru99 e Ideal. 

Para saber mais sobre o CAC, acesse: 

www.conglomeradoatelierdocentro.com

@conglomeradoatelierdocentro